fbpx

Visto Familiar EUA: um dos membros pode ter o documento negado?

Conteúdo originalmente publicado em outubro/2019 e atualizado em abril/2022

Passear pelos Estados Unidos é um dos sonhos de muitas famílias brasileiras, mas a burocracia para obter o visto de turista para todos os parentes pode acabar atrapalhando ou até impedindo a realização deste desejo.

Para evitar esse problema e agilizar os trâmites de documentação, o governo americano criou uma espécie de “visto familiar”. Trata-se do formulário Family Application, que permite fazer o cadastro coletivo de todos os familiares de forma simplificada.

No entanto, ao contrário do que muitos pensam, o preenchimento do formulário por si só não garante que todos os integrantes terão o visto aprovado automaticamente. Para que o sonho não vire pesadelo, listamos algumas perguntas frequentes (e as respectivas respostas) sobre essa modalidade. Confira:

O que é o visto familiar dos EUA?

O Family Application, também conhecido como “visto americano familiar”, é uma opção de formulário de aplicação para o visto de turista voltado para famílias ou pessoas próximas que queiram viajar juntas aos Estados Unidos.

A ideia é facilitar o preenchimento do formulário DS-160, unificando informações como endereço, telefone, motivo da visita, itinerário, etc. Porém, tanto a ficha com informações pessoais quanto o pagamento do valor da taxa de emissão do visto continuam sendo individuais.

Quais as vantagens do visto familiar?

Como dito, a grande vantagem é o tempo economizado na hora de preencher o formulário, visto que o pagamento das taxas e o agendamento das coletas biométricas continuam iguais. Ou seja, pouca coisa muda na prática.

Já no caso da entrevista, ela poderá ser feita em conjunto já que as perguntas (e possivelmente as respostas) serão as mesmas. Porém, isso também pode ser feito em casos de formulários individuais desde que o horário da entrevista seja o mesmo para todos.

Aliás, o formulário para solicitação do visto americano pode ser encontrado aqui.

Posso ter meu visto negado durante a entrevista?

Sim. Apesar de a entrevista ser realizada em conjunto, os dados contidos nos formulários são analisados individualmente. Ou seja, se um dos familiares não conseguir comprovar vínculos fortes com o Brasil, há grande chance do visto ser negado.

Por isso, a dica é reunir todos os documentos possíveis para comprovar que os solicitantes não pretendem migrar para os Estados Unidos.

Neste sentido, vale mencionar os cursos que estão sendo feitos; levar a carteira de trabalho ou mesmo o holerite mais recente; comprovar bens (veículos ou imóveis); e declarar uma boa quantia em dinheiro para mostrar que terá condições de se manter durante a viagem.

Já para saber como aumentar as chances de conseguir o visto americano, recomendamos a leitura deste guia que publicamos sobre o assunto aqui no blog.

Apenas meu visto foi negado. E agora?

Como os critérios adotados por cada agente consular na análise dos documentos e na entrevista não são tão claros, é válido dizer que o risco de ter o visto negado sempre existe.

Em alguns casos mais simples, o problema pode estar no preenchimento do formulário. Em outros mais complexos, pode nascer de uma falha na comunicação com o funcionário durante a entrevista ou até na contradição de alguma informação com a que foi relatada na ficha.

Para minimizar as chances de erro, o recomendado é contar com a ajuda especializada de uma assessoria de documentação como a CELESTINO. Nossos profissionais são experientes no assunto e estão à disposição para ajudá-lo. Entre em contato!

E no caso de visto de acompanhante?

O visto de acompanhante é válido apenas para cônjuges e filhos de quem vai trabalhar ou estudar por um longo período nos Estados Unidos. Ou seja, ele não pode ser emitido por pais, noivos, namorados ou irmãos do viajante.

Além disso, ele também tem duração diferente do visto de turismo tradicional, já que expira com o visto de turismo ou de trabalho de quem está sendo acompanhado. Para saber mais, recomendamos a leitura desse texto sobre o visto de acompanhante, publicado aqui no blog.

Por fim, vale reforçar que a CELESTINO conta com um time especializado em documentação e está sempre à disposição para ajudá-lo em todas as fases do processo burocrático. Entre em contato e conte conosco!

Texto: Igor Nishikiori, com edição e atualização de Julio Simões

× Como podemos ajudar? Available from 08:30 to 18:00