fbpx

Febre amarela: como e onde tirar o certificado de vacina?

No mundo todo, 132 países exigem que viajantes sejam vacinados contra febre amarela (veja a lista completa). Por isso, quem vai visitar algum desses lugares precisa agir com antecedência, já que a espera para emissão do Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP), documento que comprova a imunização, é longa.

O primeiro passo é agendar o atendimento nos postos da Anvisa nos aeroportos de Guarulhos e Congonhas. Vale informar que o Ambulatório dos Viajantes do Hospital das Clínicas (São Paulo-SP) parou de emitir o certificado em janeiro de 2018 por não conseguir atender a demanda, mas ainda oferece a vacina.

Além disso, quem quer o certificado deve mostrar um comprovante da viagem no posto de vacinação, o que garante a dose completa da vacina (e não a fracionada, que vem sendo aplicada em campanha de vacinação pelo país). Importante: a vacina deve ser tomada 10 dias antes da viagem.

Para saber se o país onde você vai viajar obriga a vacinação contra febre amarela, pesquise o seu destino no site da Celestino e acesse as abas de acordo com o seu tipo de visto. É possível também pesquisar no portal de Viajante da Anvisa, mas a lista pode estar desatualizada ou incorreta, como ocorreu certa vez com a Bahamas, país que a Anvisa informou incorretamente que não exigia a vacina. A falha já foi corrigida pelo órgão.

Texto: Guilherme Soares Dias, com edição de Julio Simões
Fonte: Folha de S. Paulo

× Como podemos ajudar?