fbpx

Combate a fraudes reduz drasticamente o seguro DPVAT

O Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), órgão vinculado ao Ministério da Fazenda, aprovou em dezembro de 2018 a redução do valor do seguro DPVAT para o ano de 2019.

As reduções ocorrerão de forma diferenciada conforme o tipo de veículo e podem chegar a 79%, como no caso de ônibus, micro-ônibus e lotações. No caso dos automóveis particulares, por exemplo, a redução será de 71%. Já o seguro para as motocicletas e motonetas, que concentram a maior parte dos acidentes de trânsito que demandam o acionamento do DPVAT, cairá menos e ficará 56% mais barato.

Em nota, o Ministério da Fazenda informou que a redução dos prêmios tarifários foi possível porque o montante de recursos acumulados atualmente é superior às necessidades do DPVAT. A pasta atribuiu a sobra de recursos ao combate às fraudes, que levou a uma redução significativa dos sinistros, e à rentabilidade das reservas do fundo que compõe o seguro.

O que é seguro DPVAT?

Sigla para Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre, o DPVAT é um seguro obrigatório, pago por todos os proprietários de veículos no Brasil. A atual responsável pela administração é a Seguradora Líder-DPVAT, que tem o objetivo de assegurar à população, em todo o território nacional, o acesso aos benefícios do seguro. O calendário de pagamento segue o vencimento da cota única ou 1ª parcela do IPVA, de acordo com o estabelecido pelas secretarias de Fazenda de cada estado.

Desconto por pagamento antecipado é fake

A mensagem que circula pelas redes sociais afirmando que o condutor desembolsará apenas R$ 16,21 caso pague o seguro DPVAT naquele dia é falsa. Procurada pela equipe do projeto Fato ou Fake, do G1, a seguradora Líder explica que os valores são definidos pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) e válidos para todo o Brasil. “A variação de valores existe apenas entre categorias de veículos. Portanto, a afirmação de que há descontos nos valores do Seguro DPVAT para pagamento antecipado é incorreta”, diz a nota.

Clique AQUI e veja no site da Seguradora Líder quais os valores cobrados por tipo de veículo

Fonte: Agência Brasil, G1
Texto: Julio Simões